Barragem de Odeleite, o rio do Dragão Azul

Já ouviram falar do Rio que se parece com um dragão azul?

Situada no concelho de Castro Marim, no Algarve, a Barragem de Odeleite foi construída na Ribeira de Odeleite, que nasce na Serra do Caldeirão e é um afluente do Rio Guadiana.

A ribeira possui uma beleza natural inconfundível e devido às múltiplas curvas é muito fácil entender por que é muitas vezes é apelidada de “Dragão Azul”,  símbolo de poder, força e boa sorte na cultura chinesa, para além de ser um padrão tradicionalmente usado pelos imperadores ao longo da história.

 

 Este facto tem atraído a atenção de muitos visitantes, que começaram a identificar o local como o “Rio do Dragão Azul”.

Pontos de interesse

Odeleite é uma bonita e pacata aldeia Algarvia pertencente ao concelho de Castro Marim, banhada pela ribeira de Odeleite, dona de paisagens deslumbrantes.

Junto à barragem, a pequena povoação de Odeleite tem como pontos de interesse a Igreja Matriz construída em 1534, alguns vestígios arqueológicos romanos e diversos moinhos de água e de vento, característicos desta zona do Algarve.

Este é um “outro” Algarve, pleno de carisma e beleza, já distanciado das turísticas praias de areia dourada a que estamos habituados, com tanto para ver e descobrir.

A aldeia caracteriza-se pelo seu alvo casario que desce uma pequena encosta em direcção às margens da ribeira, rodeada de uma grande beleza natural, como se pode observar no Miradouro situado no topo da encosta, avistando-se a lindíssima albufeira da imponente Barragem de Odeleite.

De facto, a construção da barragem veio dotar a região de paisagens de grande beleza, para além de outros benefícios.

O património natural e a prática de atividades ao ar livre, como os passeios pedestres e de bicicleta, os passeios de barco e outros desportos náuticos, são igualmente bons motivos de visita a esta região.

Comentários

comments

Comentários:

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.